Sobre o controle de risco ou como limitar as perdas

CONTROLE DE RISCO ” Isto é algo desprezado pela esmagadora maioria dos traders. Eu pessoalmente não entendo como traders continuam a realizar trades sem controle de risco.. Então vou tentar colocar com a máxima claridade possível o que vem a ser “controle de risco ” em operações financeiras na Bolsa.
O que é “RISCO” ? O Risco é a probabilidade de insucesso numa determinada ação por razões não controladas pelo interessado.
Se a  Bolsa é chamado de “mercado de risco ” não é a toa .É que realmente quem opera na bolsa esta exposto a inúmeras variáveis que ele não controla .São milhares de traders que , cada um , tem uma visão , uma esperança , uma estratégia e tática diferente dos demais , e isto confere á Bolsa um aspecto de irracionalidade, imprevisibilidade …
Todo o trabalho do trader é estabelecer regras no meio deste caos , para limitar esta imprevisibilidade. O intento natural de cada trader é querer enquadrar o mercado dentro de regras fixas e previsíveis , de modo a elimina-la completamente.Cada um tem sua técnica que quer melhor do que a do vizinho. Acontece que apesar dos maiores esforços para tentar controlar o ambiente , um trader experimentado sabe que continua a enfrentar uma razoável nível de imprevisibilidade .
Em conclusão , é possível afirmar que a toda operação na bolsa é associada um nível de risco a priori indeterminado tanto em quantidade como em qualidade …
Portanto , o foco do trader iniciante é aprender as técnicas para entrar e sair corretamente de um trade , porque para ele se ele souber onde entrar e onde sair com precisão , ele estará eliminando os risco completamente. De onde esta corrida ao “santo Graal ” do Set up o mais perfeito…e toda uma industria esta vivendo disto…
Passado um certo tempo e muito dinheiro perdido , o trader não tão novato assim percebe que tem que limitar suas perdas e passa a considerar colocar stops automáticos , num nível onde não ira machucar muito seu capital ….
Tomando como exemplo uma operação no mini índice , o trader ira colocar um stop a 50 pontos de seu ponto de entrada porque : “assim se eu for estopado , não vou perder muito …” Ao analisar o gráfico , ele ira tomar consciência que para ser um stop de qualidade , ele precisaria colocar este stop abaixo do ultimo pivô. Mas este , esta a 300 pontos de lá e seu objetivo de lucro é de 200 pontos …não parece fazer sentido executar uma operação onde o risco é de 300 pontos para ganhar 200 …
Pois bem. Eu lembro que o Risco é a PROBABILIDADE de insucesso de uma determinada ação .Se eu colocar agora que a probabilidade de ser estopado a 50 pontos antes de atingir o lucro de 200 pontos  é de 100% e que a probabilidade de ser estopado a 300 pontos é nula , a operação continua absurda??? Claro que não… mas porque então não considerar esta possibilidade de stop a 300 pontos. Porque a quase totalidade dos traders não quer admitir de não operar 100% de seu capital? é que se ganharem querem ganhar o máximo possível !!
Então passam a perder o máximo possível!!
A UNICA maneira de limitar o risco envolvido numa determinada operação é “CRAVAR ” a perda máxima admissível. É o único dado que temos o poder de controlar com rigor… o resto a gente não controla, nem o nível real de stop , nem os movimentos do mercado. Não controlamos  nada… absolutamente nada a 100%… mas o nível admissível de nossa perda sim…
Portanto para limitar as perdas a um nível admissível, precisamos procurar no gráfico o ponto razoável de stop, ou seja um nível no qual a gente possa dizer que se for atingido, o mercado inverteu a tendência, e em função deste nível, calcular o volume de dinheiro que iremos alocar á operação em função de uma perda limite de capital.
A principio eu não entro numa operação sem saber qual é meu volume máximo de negócio para não ultrapassar uma perda limite de 1,5% ( atualmente ) de meu capital a cada operação.
Com o passar do tempo percebi que eu tinha uma vantagem complementar e muito valiosa , em agir desta maneira. Esta vantagem é que ao me obrigar a refletir e calcular meu risco limite , a cada operação eu utilizo meu lado racional do cérebro e se eu não fizer isto eu posso passar a agir muito mais emocionalmente, fazendo apostas na realidade achando que eu estou fazendo tarde .Há um limiar muito fino entre trade e aposta e ficar rigoroso quanto ao calculo do risco , me permite de não pular de um para o outro. E a cada vez que eu não calculo esta posição eu simplesmente acabo o dia perdendo dinheiro. No fim do dia ao analisar meus trades percebo que agi por impulso emocional e não de maneira racional…
No inicio é chato fazer este controle, mas com o passar do tempo a gente acaba se acostumando e gostando pela tranquilidade que nós da em enfrentar o mercado. E fica muito menos estressante !!! E acreditem, a gente passa a ganhar muito mais dinheiro fazendo assim …

5 Replies to “Sobre o controle de risco ou como limitar as perdas”

  1. DeAvellar10

    Roger, gostaria de perguntar, quando eu tentava (tentava, pq eu tirei umas ferias do Winfut), posicionar meu stop, eu via isso que você esta comentando, se eu colocasse o stop a 300 pts de distancia, eu raramente era stopado, minhas operações davam 80% de acerto em media, mas no entanto, quando eu perdia eu devolvia tudo, e quando ficava no azul, tinha que pagar 20% de IR que me deixava com um lucro final bem abaixo das operações de swing trade no próprio mini, por exemplo, poxa, quem entrou vendido no inicio do mês de junho e não fez absolutamente NADA a não ser esperar, simplesmente dobrou o capital, nesse mesmo mês eu perdi dinheiro, mas trabalhei muito, na busca por um setup operacional, eu agora tentava colocar o objetivo a 3, depois 2 e depois 1,5 vezes o stop, mas em função de taxas de corretagem e IR essa relação ficava em 1 por 1, então, bastava acertar mais de 50% dos trades para terminar no lucro (pequeno), mas mesmo essa taxa tem sido difícil, então passei a colocar o objetivo mais perto, pois segui a lógica que era mais fácil um pequeno movimento a favor da tendência, de que um movimento grande contra, e de novo quando perdia (desta vez no paper trade, pq se eu perder mais dinheiro eu me mato…)a perda devolvia tudo, em função destas questões, eu gostaria de perguntar sua opinião, se você puder responder, sobre os seguintes temas:

    1) existe um "setup" que ganha mais do que perde??
    2)existe mesmo o que muitos dizem, que quando perdem, perdem pouco, mas quando ganham ganham muito?? (queria muito que isso fosse verdade, sou iniciante e busco avidamente essa metodologia, queria mesmo que isso fosse verdade)
    3)é possível ter retornos acima de digamos 50% ao mês com day trade??
    4) qual outro conselho, a respeito de controle de risco você poderia dar??

    Muito Obrigado, Roger

    Responder
  2. Roger Batte

    Meu amigo …acabou de fazer excelentes perguntas …perguntas que estão no amago do problema de ganhar dinheiro com day trades .
    1-eu sou categórico : NÃO existe set up milagroso e isto por uma razão bem simples .Um set up é constituído de duas partes : a parte técnica e o estudo do contexto no qual ira fazer o trade .Acontece que todos os gurus ensinam a primeira parte sem nunca ensinar a segunda e sem a segunda a primeira não vale .Como o mercado evoluí o tempo todo , não há um set up mas um conjunto de regras que te permitem de melhor se localizar e filtrar melhor suas entradas e saídas .um excelente trader faz em media 60% de acertos …
    2-isto é balela : ou seja é uma verdade estupida …e regularmente ira encontrar gente te mostrando como você é muito estupido de naõ ter segurado seu trade onde entrou na parte da manhã , porque ele fez isto e ganhou 2500 pontos quando você só ganhou 500 por exemplo …pergunte para este experto quanto ele perdeu nos últimos quinze dias de congestão …geralmente o cara não ira te responder ….ou seja não existe regras ..deve aprender a entender o mercado para saber quando segurar um trade e quando não segurar …e isto não é dado a qualquer um ….
    3-é possível sim ter retornos acima de 50% e mesmo muito acima disto…eu mesmo já fiz isto muitas vezes …mas não é a regra …longe disto…acredito que alguém que faz 200 a 300 pontos por dia é um trader muito bom e isto da mais ou menos 5000 a 6000 pontos por mês …
    4-posso escrever um livro a respeito…mas o melhor conselho é: aprende a controlar suas emoções …porque no final é disto que se trata

    Responder
  3. Italo Fabian (Official)

    Roger,

    Algumas dúvidas:

    1. Há a possibilidade de você disponibilizar sua planilha de controle de risco?

    2. Há a possibilidade de você disponibilizar seu SETUP com as cores já configuradas?

    3. Acredito que sua estratégia e metodologia é a mais objetiva e compreensível dentre todas as que tive acesso na rede. Há alguma possibilidade de você produzir um vídeo sobre como você configura seu ‘ProfitChart’?

    Desde já,

    Grato!

    Responder
    1. Roger Batté Resposta do autor

      Italo, não disponibilizo mais minha planilha porque teria que escrever um manual explicando tudo detalhadamente e mesmo assim tenho certeza que eu ia receber um monte de perguntas ás quais eu teria que responder para no final quem receber me dizer que esta fazendo outra. Esta planilha é o resultado de 15 anos de trabalho e é muito pessoal. Cheguei á conclusão que o melhor mesmo é incentivar as pessoas a fazer cada um a sua. Isto obriga o trader a refletir sobre o que esta fazendo e melhora a sua percepção do mercado.
      Sobre o set up com cores: acabei abandonando ele porque o Profitchart não consegue tratar as configurações com segurança. Certos dias as cores estão todas erradas e ate invertidas. Respeitando a mesma filosofia operacional configurei minhas telas com o que o Profitchart oferece já pronto. Estou atualmente me assegurando que esta funcionando perfeitamente em todas as configuras e mercados. Quando tiver esta certeza irei fazer outro vídeo explicando detalhadamente.

      Responder

Deixe uma resposta