Como usar indicadores

Em resposta a uma pergunta do Carlos eu vou fazer algumas considerações sobre indicadores. Primeiro, uso indicadores somente para apoiar minha decisão. Eu nunca tomou decisão a partir deles diretamente. A decisão básica se faz no estudo dos candles e da sequência de topos e fundos… este é o essencial… o resto tem menos importância.
Porém em determinadas circunstancias, fica difícil prever o que pode acontecer… ter algo que nos da alguma luz sobre o que pode estar acontecendo ou não pode fazer muita diferença. Tentei usar muitos indicadores sem muita satisfação. No final acabei usando o Chaikin Monney flow histograma. Para quem não conhece, o CMF é um indicador que mostra quem esta no comando no momento. Acima de zero são os compradores… abaixo de zero, os vendedores. O interessante é ver as inflexões ou seja quando atingido uma máxima começa a diminuir ou o contrario, quando atingindo uma mínima comece a subir. Acabei gostando porque me mostrava varias coisas.
Eu usava ele com duas retas limites a +0,12 e -0,12. Quando estava entre estes dois limites, eu sabia que o mercado estava empatado… sem rumo certo. Compradores e vendedores estavam empatados. Geralmente era nos períodos de baixo volume. E quando estas situação aparecia com alto volume, era porque era briga de cachorro grande entre as tesourarias : melhor ficar longe até definir o ganhador!! Nestes períodos eu não operava : arriscado demais. Acima de 0,12, o mercado era fortemente comprador… e abaixo de -0,12 fortemente vendedor. Mas além disto o que me ajudava bastante era mesmo as mudanças de direção das tangentes ao histograma.
Estou anexando um gráfico de outubro de 2008 que mostra bem estas características. No dia 5 o CMF se mantém positivo quase sempre acima de +0,12. Na abertura do dia 6 vemos o CMF abrir entre as 2 linhas +12 e -12 e caindo… podíamos pressentir a inversão do mercado de alta para baixa. A venda na perda da LSI em 1,76 ia vingar. Na época esperei a inversão da MM10 com a MM20… mas não era necessário!!
Deixei de usar ele porque mudei de plataforma gráfica e que a nova não me dava o CMF sob forma histograma mas somente linhas e com outras definições que não me atendia. Ademais a nova plataforma me oferece coisas melhor como o Heiken Ashi e o IFV, muito mais fáceis de operar.
Porém quem não tem acesso a estas ferramentas deve procurar alguma ferramenta que da as respostas ás seguintes perguntas  :
-quem está no comando? compradores ou vendedores?
-com que força? que vontade? ( checar com o volume )
Qualquer sistema que responde satisfatoriamente a estas duas perguntas pode ser utilizado para apoiar a decisão.

 

2 Replies to “Como usar indicadores”

  1. ckbuzin

    Oi Batte,

    Valeu pelo post. Já estou tentando me acostumar com este indicador, embora na minha plataforma seja uma linha.
    Por falar nisso, vc costuma analizar barra a barra do volume (volume spike) ou elas num contesto?

    ats,
    Carlos

    Responder
  2. R. Batte

    eu uso o volume geralmente com uma media de 21 .E olho se as barras do volume estão na media ou abaixo ou acima …se muito abaixo tomo muito cuidado ao operar e de preferencia evito operar os volume baixos .Os spikes eu não presto atenção a eles pois tem multiplos interpretações e você nunca vai saber a qual usar num determinado momento .

    Responder

Deixe uma resposta